Você não precisa disso para se preencher

Menina, você não precisa desse copo de vodka. Seu coração não vai ficar cheio com isso. Talvez fique, até o efeito passar.

Menino, você não precisa daquela festa na sexta à noite. Você não vai ficar aliviado com isso. Talvez fique, até a realidade bater novamente na sua porta.

Menina, você não precisa dessa foto. Ela não vai conseguir likes o suficiente para suprir nada. Talvez consiga, até a foto de outra pessoa cobrir a sua.

Menina(o)… Você não precisa disso para se preencher. Ou precisa?

Ouço, cada vez mais, discursos pautados em: “Estou bem assim”; “Não preciso de ninguém”; “Nada que uma curtição não resolva!”; e por aí vai… Será?

Tudo o que eu vejo são discursos desconexos de seus atos. Tenho assistido um número crescente de pessoas que afirmam estarem bem sozinhas, mas não conseguem realmente ficar sozinhas. No mínimo contraditório, certo?

“Estou bem sozinho”. Eu acredito que você esteja, mas então por que todos os seus fins de semana são ocupados pelo agito interminável da madrugada?

“Não preciso de ninguém”. Eu também acredito que você não precise, mas então por que seu WhatsApp vive repleto de conversas jogadas fora com caras que você mal conhece e, na verdade, nem te interessam tanto assim?

Você precisa disso para se preencher? Todo fim de semana? Todo santo dia?

Não. Você não precisa disso para se preencher. Você pode sair para jantar, ir ao parque, ler um livro ou simplesmente ficar de bobeira em casa comendo pipoca e assistindo “Notting Hill” pela décima vez. De vez em quando, isso não faz mal a ninguém também. E garanto que pode preencher muito mais do que beijar vários desconhecidos em uma noite só; muito mais do que um dia inteiro falando sobre nada com alguém que na verdade também não é nada para você; muito mais do que os 50 likes na sua foto com batom vermelho; e muito mais do que os cinco copos de vodka com energético que você vai beber para esquecer tudo isso depois.

Não se limite. Se quiser sair para beber, saia. Se quiser ficar com várias pessoas em uma noite só, fique. Se quiser jogar conversa fora o dia todo, jogue. Mas saiba que tudo isso é diversão, passatempo. Preenchimento não. E se você acredita que está se preenchendo assim, então caiu na maior armadilha.

Você está bem sozinho? Isso é incrível, é admirável. Aproveite um pouco da sua própria companhia e chame um livro para passar a tarde toda em um parque ensolarado. Caminhe um pouco, pare em um café e escreva algo. Você vai preencher muita coisa com uma boa leitura, uma bebida quente e alguns escritos. No fim do dia, desfrute da companhia da sua família e termine a noite em um belo reencontro com os amigos. Se você está bem sozinho, isso tudo será o suficiente e, apesar das noites agitadas também serem interessantes, não serão essenciais para você se sentir vivo.

Se você está bem sozinho, vai perceber que nada te preenche mais do que a leveza das coisas simples. Você está pleno consigo mesmo, existe algo mais reconfortante do que isso? Às vezes tudo o que a gente precisa é se reencontrar e, para isso, é necessário silêncio. Você precisa disso para se preencher.

Anúncios

Escrito por

Criadora do Para Preencher e autora do romance "Lola & Benjamin", acredita que as palavras têm poder próprio e são capazes de transformar, inspirar e libertar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s