Não sei se você foi o grande amor da minha vida

Não sei se você foi o grande amor da minha vida – se é que isso existe. Há muita gente por ai que acredita nessa história de que, uma hora ou outra, todo mundo encontra o grande amor de sua vida, mas tenho certeza de que você não é uma dessas pessoas.

Não sei se você foi o grande amor da minha vida, mas, com certeza, foi a maior inspiração da minha vida até hoje. Você trouxe significado para muitas coisas, ou melhor: você foi o significado. A sua presença me fez enxergar além do que eu estava acostumada, o seu jeito me fez entender muita coisa que antes passava despercebida, a sua companhia me transformou por inteira.

Sempre me dei por sortuda por ter te encontrado. De alguma forma, parecia que você se encaixava direitinho em mim, e eu não consigo negar que te acho lindo. Talvez seja apenas o meu par de olhos seriamente danificado pelo ritmo pulsante do meu coração, mas eu não vejo em mais ninguém o que vejo em você. Mesmo assim, você ficou muito abaixo das minhas expectativas e nunca conseguiu seguir o roteiro dos relacionamentos. Mas, tudo bem, sabe… Porque, no fim das contas, por mais que isso te fizesse um idiota, também me fazia ser louca por você.

Acho que já te disse isso muitas vezes, mas morro de medo de continuar sentindo sua falta todos os dias. Nesse tempo, toda vez que a gente se deu a chance de se olhar nos olhos mais uma vez, vimos que nenhum dos dois tinha conseguido parar de sentir, e isso é o que mais me assusta. Guardamos nossos sentimentos em algum cantinho escondido, torcendo para que ninguém os cutucasse, mas do nada tudo isso despertava e nos apontava que muita coisa ainda não tinha morrido.

Sabe, ninguém nunca começa um relacionamento pensando que este vai terminar. Ninguém se envolve com alguém pensando que um dia irá perder essa pessoa. Hoje, tenho medo de pensar em uma vida sem você, mas vou seguir meus dias lembrando que você existe por ai e que, se o destino quiser, um dia nos esbarraremos novamente.

Porque se tem uma coisa na qual eu acredito depois de tudo isso, é que o destino é realmente poderoso e, de fato, todas as pessoas que cruzam o nosso caminho, o fazem por um motivo. Você não foi um mero acaso. Você foi a pessoa que eu precisava encontrar e, agora, é para quem eu preciso dizer adeus. E tudo bem se você não foi o grande amor da minha vida que escolhe ficar no final da história, porque a gente nem sabe se isso existe mesmo. Você foi a minha grande inspiração, e isso eu tenho certeza de que existe.

Anúncios

Escrito por

Criadora do Para Preencher e autora do romance "Lola & Benjamin", acredita que as palavras têm poder próprio e são capazes de transformar, inspirar e libertar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s