Por que algumas pessoas não conseguem ficar sozinhas?

Não é de hoje que observo uma grande quantidade de pessoas que simplesmente não conseguem ficar sozinhas. Existem aqueles que pulam de um namoro para o outro sem nem darem uma pausa para respirar, e existem aqueles que não ficam por inteiro com ninguém, mas também não ficam por inteiro com si mesmos.

E então eu me pergunto: por que algumas pessoas têm tanta dificuldade em ficarem sozinhas? Seria medo da solidão? Insegurança? Ou apenas extrema carência? Fico imaginando como é simplesmente não ter pelo menos um período da vida em que a sua preocupação é apenas você mesmo. Um período em que a busca pelo autoconhecimento é ainda mais profunda. Um período em que você está sozinho e isso não é sinônimo de solidão ou tristeza.

Já passei tanto tempo sozinha que tenho certeza de que já vivi muitos desses períodos em minha vida. E é por isso que não entendo como algumas pessoas não dão aquele essencial respiro quando terminam um relacionamento, seja ele qual for. Como conseguem se apaixonar tão facilmente por outra pessoa? Como não sentem a maior necessidade de passarem um tempo sozinhas?

Muitas delas parecem emendar um relacionamento no outro tão rápido que atropelam os próprios sentimentos, se esquecem o propósito de ter alguém ao lado e, assim, acabam nem vivendo com o outro por inteiro.

Bom, mas a verdade é que isso são só suposições. Continuo sem uma resposta muito clara para a pergunta do meu texto. Talvez essas pessoas sejam realmente muito carentes, ou então não consigam trilhar um caminho sozinhas por inseguranças que não cabem a mim julgar. Mas se eu pudesse, com certeza aconselharia esses indivíduos a darem um tempo para si mesmos de vez em quando.

Diria para eles desligarem seus celulares por um fim de semana, recusarem convites para sair por apenas uma noite e, então, fazerem algo por eles. Respirarem, se questionarem, refletirem. Isso os ajudaria a entenderem quem são e o que querem para si. Até porque todo relacionamento nos transforma de alguma maneira e se não paramos para refletir sobre o quanto mudamos, então continuamos os mesmos, apenas ansiando pelo próximo relacionamento e nos esquecendo de que respirar sozinho também faz bem pra alma.

Anúncios

Escrito por

Criadora do Para Preencher e autora do romance "Lola & Benjamin", acredita que as palavras têm poder próprio e são capazes de transformar, inspirar e libertar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s