Terminar um relacionamento te faz crescer como poucas coisas na vida fazem

Términos de relacionamentos sempre dão o que falar, seja pelo chororô ou pela alegria de descobrir uma nova vida de solteiro. Independente de como for o seu término, uma coisa é certa: ele vai te fazer crescer como poucas coisas na vida fazem.

Isso porque quando decidimos mergulhar (e realmente mergulhar) de cabeça num relacionamento com alguém, estamos entrando num novo universo ao mesmo tempo em que estamos nos privando de algumas coisas que a vida de solteiro proporciona. Eu nunca achei essa uma escolha fácil de se tomar, pois na minha cabeça temos que realmente ter certeza do que queremos para fazer dar certo. Porém, apesar de difícil, não deixa de ser uma decisão óbvia. Quando é para ser a gente nem pensa muito, só vai.

E é justamente por isso que pode ser bem doloroso voltar à superfície depois desse mergulho tão profundo na vida à dois. Enquanto para alguns terminar um relacionamento pode ser algo muito traumático, para outros pode ser mais tranquilo e natural. O que eu posso dizer por experiência própria é que, independente de como você encarar o término, ele vai te fazer crescer muito. O tempo que você se dedica a um relacionamento e todas as suas descobertas sempre te proporciona um aprendizado enorme sobre a vida. E é claro que o término em si também te faz aprender e crescer, pois exige que você encare uma nova realidade que te faz enxergar o mundo com outros olhos.

No fim das contas, só o fato de decidir ou simplesmente aceitar terminar já te faz refletir e te obriga a ser realmente muito forte, pois normalmente ficamos naquele vai e vem até decidirmos de fato acabar uma história com alguém. Depois chegam os primeiros momentos pós termino, que muitas vezes são difíceis. É preciso entender uma nova vida em que você não está sozinho, mas não tem mais a companhia daquele que um dia foi imprescindível.

Tudo isso vai te fazendo refletir, questionar, ficar angustiado, sofrer, e por ai vai. E mesmo que você encare tudo de uma maneira otimista, os seus pensamentos não deixarão de visitar o passada de vez em quando, podendo até te deixar aflito com o maldito “e se…”, que tira nossas noites de sono. Esse momento é tão importante, pois além de te fazer mergulhar em si mesmo, proporcionando uma enorme fase de auto conhecimento, também proporcionará uma visão muito mais madura em relação a tudo o que levou vocês ao término. Quer dizer, se acabou é porque não estava mais dando certo e nesse momento é crucial entendermos tudo o que deu certo e errado.

Por fim, finalmente chegamos ao momento em que o outro se torna apenas uma memória boa e cheia de momentos felizes. Não existe mais raiva, mágoa, decepção. Até porque não é saudável ficar cultivando sentimentos ruins. Aos poucos, deixamos de amar aquela pessoa e passamos a sentir apenas carinho. E, assim, pegamos tudo o que vivemos com o outro e usamos aquilo para nos reconstruirmos de uma maneira muito melhor. Dessa forma, quando um novo amor cruzar o nosso caminho poderemos evitar erros do passado e nos recriarmos de maneira inteligente. E é assim que vamos evoluindo, relacionamento após relacionamento, e nos tornamos melhores tanto para nós mesmos quanto para aquele com quem nos relacionamos.

Anúncios

Escrito por

Criadora do Para Preencher e autora do romance "Lola & Benjamin", acredita que as palavras têm poder próprio e são capazes de transformar, inspirar e libertar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s