Anúncios
dicas de livros
Literatura

Três livros inspiradores que irão mudar sua forma de enxergar a vida

Livros são, na minha opinião, um dos melhores produtos artísticos já inventados. Eles simplesmente se sustentam apenas por meio das palavras – na maioria das vezes, se estruturam sem nenhum tipo de suporte visual, verbal ou sonoro.

Para mim, esta é a magia da escrita.

Ser capaz de traduzir reflexões e questionamentos que, muitas vezes, são comuns a todos nós, mas que poucos sabem como realmente expressar.

Há algo mais belo do que isso? Juntamos uma palavra aqui, outra frase ali, e de repente, temos um conto, uma crônica, uma poesia, ou um romance que se conecta com milhares de pessoas diferentes.

Alguns livros realmente mudaram a minha vida (é clichê, mas todo bom leitor tem a sua listinha). E acho que vale compartilhar, porque sempre tem alguém por aí procurando uma dica de livro. Quem sabe esses livros não mudam a sua vida também.

Quando Nietzsche Chorou, Irvin D. Yalom

Não consigo falar de livros sem citar este em primeiro lugar. Acredito que eu goste tanto porque envolve bastante os temas de psicologia e filosofia.

A obra mescla fatos reais e fictícios, trazendo grandes nomes da história além de Nietzsche, como Josef Breuer e Freud. Para narrar o nascimento da psicanálise são retratados alguns encontros entre o filósofo alemão , que sofre de uma crise existencial profunda, e Josef Breuer, que é o encarregado de tentar tratar sua depressão.

Recomendo fortemente a obra para quem gosta do tema e, principalmente, para quem é altamente reflexivo em relação à vida e, em alguns momentos, se sente uma pessoa mais solitária justamente por ter essa característica.

Os Quase Completos, Felippe Barbosa

Terminei este livro recentemente e é simplesmente magnífico. No caso, me identifico muito com o personagem principal pelo fato dele ser um artista e carregar uma frustração muito grande por não conseguir viver da sua arte.

No entanto,  a obra não é de maneira alguma recomendada apenas para pessoas com almas de artistas. É uma leitura obrigatória para quem sente qualquer tipo de frustração ou incompletude em relação a alguma esfera da vida.

Por meio de uma história leve e muito fluída, o autor foi capaz de trazer uma mensagem simples e extremamente relevante: para ser feliz você precisa se sentir completo. E para se sentir completo é necessário saber quem você é, o seu propósito, o que realmente traz felicidade e ir atrás disto. Ninguém será capaz de trazer essa completude para a sua vida além de você mesmo.

O Mundo Ao Lado, Arthur Simões

A história de Arthur é incrível, pois sua volta ao mundo de bicicleta amplia fortemente a nossa visão de vida.

A coragem do autor de largar tudo em São Paulo para embarcar em uma viagem rumo ao desconhecido por 3 anos pedalando uma bicicleta realmente nos faz repensar muitas coisas de nossas próprias realidades.

Para mim, a principal mensagem que ficou após a leitura foi simples: uma viagem só é uma viagem quando ela continua nos transformando quando voltamos para casa.

E desde então, todas as viagens que faço respondem a isso. De jeito nenhum invisto o meu dinheiro e tempo em uma experiência que não provocará nenhuma mudança dentro de mim.

Vale totalmente a leitura para os viajantes de plantão que querem expandir a mente e quebrar muitos estereótipos sobre vários lugares e maneiras de enxergar a vida.

E aí, gostaram? Quais outros livros vocês indicam?

Gostou do conteúdo? Receba mais textos clicando aqui para se inscrever na nossa newsletter.

Anúncios

Criadora do Para Preencher e autora do romance "Lola & Benjamin", acredita que as palavras têm poder próprio e são capazes de transformar, inspirar e libertar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *